Nossa Trupe

Este é um breve perfil dos integrantes do Litheratrupe:

Andrey Bugarin Woiski M. especializou-se em carreira de Exatas por excelência. Atormentado pela pergunta “E se…?”, descobriu que o caminho mais fácil para concretizar seus sonhos é a literatura; afinal, o papel, altruísta, aceita tudo sem reclamar e sem se importar com a cor, credo ou gênero. Entusiasta dessa Arte desde cedo, apaixonou-se pela Língua Mãe e caminha, desde então, nesse paradoxo contraditório do ser (sem solução) que é a vida, dilarecerando a unidade em cerébro e coração.

Drika Yar nasceu na cidade do Rio de Janeiro, em 1971. Curiosa e questionadora, sempre buscou formas diferentes de olhar para as coisas a sua volta, talvez, daí tenha surgido o interesse pela área de exatas. Seu gosto pela leitura e, posteriormente, pela escrita aflorou ainda na adolescência em meio sua fascinação por ficção científica, bem como, pelos contos e lendas das Eras Antiga e Medieval.

 Hamilton Toledo, nascido em Limeira – SP, formado em Administração de Empresas, seu gosto pela literatura começou ainda na adolescência e permaneceu adormecido por 30 anos, sendo então despertado após problemas de saúde que vivenciou. Seu primeiro livro Arca do Futuro, romance e ficção, está previsto para ser lançado em 2016. Seu lema: Nunca desista de seus sonhos! Um sentimento: A magia da gratidão!

 Karina Muller Rufino é atriz e jornalista, pós-graduada em Jornalismo Literário pela ABJL/SP, uma das criadoras do grupo de teatro Caixa de Histórias. Coautora do livro “Nas Margens do Paraíba – vida, histórias e crenças dos habitantes do rio Paraíba do Sul” e “A fabulosa viagem de Duda e Lola em busca da irmã perdida ou… Cadê Kika?”,  autora do livro “Um Novo Jardim” e editora do livro “Calidoscópio – A saga de Pedro Malasartes”, de Ruth Guimarães. Atualmente cursa Educação Artística pelo Centro Universitário Claretiano e integra o Litheratrupe. 

 Lya Gram  Pós-graduanda em Língua Portuguesa e Literatura, dedica-se integralmente à arte e literatura. Participou de oficinas literárias, saraus e exposições. Vencedora do primeiro concurso literário Machado de Assis da Canal 6 Editora, vencedora do quarto Prêmio SFX de Literatura, terceiro lugar no concurso de Prosas e Versos da Associação dos Pioneiros e Veteranos da Embraer, co-autora em algumas antologias poéticas nacionais e internacionais e autora do livro de poesias Entre Dores, Flores e Dissabores.  Acredita que as lembranças decidiram esbanjar letras no papel, derramando histórias, devaneios e memórias. Para ela, escrever é mais que paixão, é missão de vida e fonte de eternidade. Mais sobre Lya Gram aqui.

Mara Débora formada em Design Gráfico, desenvolveu o olhar para formas e imagens. Atualmente é consultora de imagem onde aplica o seu olhar para transformar a forma de vestir das pessoas e a ajudá-las a buscar sua própria essência. Escreve sobre autoestima em seu blog Autoestima na Gaveta. Tem textos publicados em revista e é coautora do Livro “Mapa da Vida” com o capítulo “Vista sua essência”.

 Mariane Helena Rodrigues e Silva  Escritora, Colunista, Poetisa e Cronista. Detentora da Medalha IV Conde de Figueiró – Embaixada da Poesia, Certificado de mérito Cultural – Embaixada da Poesia , Medalha SUPERAÇÃO – Câmara Municipal de São José dos Campos, Prêmio Mulheres do ano de 2015, Troféu Carlos Drummond de Andrade de literatura – Edição ouro, Troféu Cecília Meireles – Mulheres notáveis, Certificado de Grande mérito Literário e Certificado de Contribuição para brasilidade.

 Rita Elisa Seda é Embaixadora da Paz pela ordem da Coroa dos Arameus e dos Auranitas, Comendadora oficial pelo Estado de São Paulo com a Medalha Leão de Judá, Membro da Academia Valeparaibana de Letras e Artes – AVLA, Membro da Academia Joseense de Letras – AJL, Membro da União Brasileira de Escritores – UBE, Membro da Confederação Brasileira de Letras e Artes – CONBLA, Membro do Instituto Histórico, Geográfico e Genealógico do Grande ABC – IHGG, Prêmio Carlos Drummond de Andrade, Revelação Literária do Ano, Itabira – MG, Prêmio Destaque do Ano, Taubaté-SP. Fotógrafa, biógrafa, romancista, contista, cronista e poetisa. Tem formação acadêmica em arqueologia.

 Lili Oliveira escreve desde a infância poesias que remetem ao coração e à beleza daquilo que nos rodeia. Esta carioca nascida em 1948, abriu mão da carreira e da escrita para criar os dois filhos. Após a perda de seu marido, encontrou na literatura um novo objetivo. E para alegria de seus fãs, seus textos remetem à jovialidade e inocência da infância.

Helen Coppi é esposa, mãe, publicitária, sonhadora, e viciada em assuntos aleatórios. Apaixonada pelas letras e pelo poder que cada palavra tem de transformar pensamentos, ambientes e pessoas. Sempre teve a necessidade de colocar o que sentia no papel, então escreve desde sempre. Como poetisa recebeu menção especial e honrosa no concurso Poetas do Vale. Em parceria com um amigos, escreveu a coletânea de poesias “Sobre Guerreiros Espartanos e Bestas no Limbo”, que foi usada em um projeto acadêmico para a apresentação do conceito de Bookcrossing na comunidade. Escreveu também “O Livro Perfeito dos Haicais Imperfeitos”. Tem um blog pessoal chamado “Aleatória é a Mãe“.

Suelen Crístoli na conquista do Poder das Palavras, Suelen traz a magia dos contos lúdicos. Sua formação pedagógica a faz caminhar em busca de alargar a alma infantil, e consegue esse intuito às crianças e aos adultos, que se revestem de alegria e saudosismo ao ler. Graduada em Letras pós-graduada em Gramática e Psicopedagogia. A escolha por Letras foi por sempre gostar de ler, pois os livros permitem viajar pelo mundo, e também traz conhecimento, ama a companhia das crianças e quer, com seus escritos, transformar a vida dos leitores incentivando a sonhar, pois os sonhos que não acontecem são os sonhos que não são sonhados. A chave que me move é a Fé carregada da principal energia o Amor ele que tudo transforma.